Este Outono, na BakeSubs… (3ª parte)

Olá outra vez! Venho anunciar o nosso terceiro e último projecto (segundo semanal) do próximo Outono. Esse projecto é, nada mais, nada menos, do que Madan no Ou to Vanadis, cujo primeiro trailer foi lançado hoje!

Este foi um anime que demorámos a anunciar pois estivemos, durante várias semanas, indecisos entre este anime e um outro deste Outono. O HKenji, que será o tradutor do projecto, leu então ambos e considerou a história de Madan no Ou to Vanadis superior. Decidimos, no entanto, esperar pelo primeiro trailer, para averiguar a qualidade do anime. E agora que o trailer foi lançado, posso dizer com todas as certezas de que tomámos a decisão certa. O anime parece excelente tanto a nível visual como musical. E o facto de não darem destaque ao ecchi (que até nem tem assim tanto relevo na light novel original) leva a crer que a equipa responsável pelo anime irá dar mais importância à qualidade da história em si do que ao fan service, algo raro nos dias de hoje.

Estamos muito ansiosos por trabalhar neste anime, que promete ser uma agradável surpresa. Madan no Ou to Vanadis estreia no dia 4 de Outubro. Como disse, a tradução será feita pelo HKenji e a edição será da minha autoria.

Com isto, estão anunciados os nossos três projectos deste Outono. Resumindo, teremos:


A eles, junta-se Sword Art Online II, que termina em Dezembro.

É tudo! Digam-nos o que pensam de Madan no Ou to Vanadis ou do alinhamento no geral! Lembro que saber a vossa opinião ajudar-nos-á a adaptar as nossas prioridades aos vossos interesses.

3 comentários sobre “Este Outono, na BakeSubs… (3ª parte)

  1. Lime

    @MZW: Quanto ao manga de Madan no Ou especificamente não posso falar, mas o anime vai basear-se na light novel (que é a original) e, regra geral, as adaptações de light novels a manga deixam muito a desejar. A light novel é boa e é isso que conta para o anime.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.